A arte dos vinhedos

Na Veuve Clicquot, a vinha, verdadeira alma mater, é objeto de todas as atenções. Com o passar das estações, ela recebe os cuidados necessários ao seu pleno desenvolvimento e revela assim o melhor de si mesma: uvas de qualidade exepcional.

Diário de colheita

"A colheita começa nos vinhedos de Veuve Clicquot. 

Mais de 1.300 pessoas participam deste grande esforço, e eu tenho o prazer distinto de liderá-los nesta responsabilidade . Nas próximas duas a três semanas colheremos os frutos do trabalho dos nossos vinhedos ao longo do ano - o primeiro passo para a criação do nosso champagne. 
 
Cada membro vital da Maison vai se unir em torno dos nossos vinhos e os trabalhadores sazonais da Veuve Clicquot - desde enólogos e equipes técnicas à equipe administrativa - cada um oferecerá sua contribuição profissional. E mesmo que não presente fisicamente nos próprios vinhedos, a nossa equipe oferecerá sua experiência, energia e orientação, a fim de contribuir de sua maneira individual, para um momento tão importante do ano. 
 
Eu quero convidar vocês a participar também, e eu pretendo compartilhar com vocês as anotações diárias que eu escrevo durante este momento especial. Os grandes momentos dos vinhedos são tão cruciais quanto os pequenos, pois eles enaltecem esta aventura da colheita que é tão técnica quanto humana, e renovada a cada ano. 
 
Duas vezes por semana eu compartilharei as anotações do meu Diário de Colheita com os nossos fiéis seguidores. Espero que isso permita que vocês sintam que também estão participando destes momentos de vinhas, vividos com intensidade e paixão. Vocês serão, de uma forma ou de outra, os colhedores em seus corações. Seja nas proximidades ou por todo o mundo, o seu próprio interesse na elaboração de vinhos leva vocês a contribuir em espírito à colheita Veuve Clicquot de 2014." 
 
C. Renard - Director de Vinhedos
 
 
 
Esboços: Martin Tourné / Agence Fantom

Do vinheido ao vinho

O Inverno corresponde à estação da poda, pacientemente efetuada planta a planta, à mão, e que se prolonga até ao final de Março. Depois vem a ligação: os sarmentos e as armações conservados na poda são ligados a um suporte para garantir a sua manutenção. No mês de Maio, eliminam-se os rebentos que trazem pouca ou nenhuma uva: é o esladroamento. Ao longo de toda a Primavera, o vinhedo é protegido, se necessário e de forma ponderada, contra doenças e insetos. Quando se dá a floração, por volta do dia 20 de Junho, contam-se 100 dias até à vindima. Enquanto se aguarda esta etapa decisiva, os pequenos ramos são elevados verticalmente e dispostos em latadas, quer dizer, ligados a um suporte, e os rebentos em crescimento são aparados para garantir uma boa atividade fotossintética.

Todas as etapas

Respeitar o ambiente : um compromisso enraizado na nossa história

 

Garantia do lema da Maison “Apenas uma qualidade, a melhor”, o respeito pela terra é a nossa herança e permanece no centro da nossa atividade. Compartilhamos este lema como um valor essencial com os nossos parceiros e com os nossos clientes. Ele dita as iniciativas tomadas em prol do ambiente, através de cinco grandes compromissos :

  • Controlar os riscos ambientais
  • Reduzir o impacto ambiental associado à nossa atividade
  • Seguir uma política responsável tendo em vista a melhoria das as nossas ações
  • Levar todos os colaboradores e parceiros a participarem na nossa iniciativa de proteção do ambiente
  • Partilhar as nossas exigências e os nossos valores ambientais

Saiba mais sobre os nossos compromissos